Sabático

Após um período complicado, com problemas de saúde bem sérios e muitos outros problemas pessoais, decidi dar um tempo em tudo e tirar um “sábatico”. Alguns chamam de “Ano Sabático”, mas não necessariamente precisa ser um ano, pode ser mais, ou menos. No meu caso não sei ao certo quanto tempo será. Pode ser um ano, um pouco mais, ou um pouco menos. A principio estou planejando ficar de sabático até o final de 2011, mas tudo pode mudar até lá. 

O ano sabático é mencionado no Antigo Testamento. No caso, um ano, a cada seis, em que a terra fica sem cultivo para depois iniciar um novo ciclo de fertilidade. Ou seja, a grosso modo, sabático significa “dar um tempo”. E no meu caso a idéia é essa mesma, dar um tempo em tudo e repensar minha vida. Preciso reavaliar tudo em minha vida, meus conceitos, desejos, planos, sonhos e muito mais. Sei que preciso me afastar de minha rotina, das pessoas que me cercam (por mais que adore essas pessoas), da vida que estava levando. No fundo preciso rever os rumos que quero dar a minha vida daqui pra frente. Depois dos meses complicados que passei, minha vida não será mais a mesma, pois garanto que não sou mais o mesmo. Na seqüência disso tudo, nada melhor do que um período sabático para realizar uma revisão detalhada de minha vida pessoal e profissional, para realizar mudanças profundas em meu jeito de ser, de agir. E tudo isso visando ser uma pessoa melhor, com menos defeitos, que cometa menos erros e em conseqüência seja uma pessoa mais feliz. 

O psicoterapeuta norte americano, David Kindtz, afirma que somente fazendo paradas, curtas ou longas, podemos ficar totalmente despertos e recordar quem somos. Que devemos parar, até pra saber o que fazer, pois isso nos reanima e nos ajuda a ir em frente de uma forma concentrada e determinada. É, segundo ele, um processo espiritual, no sentido de buscar novos valores, significados e desejos mais profundos. 

Existem várias maneiras de sábatico. No meu caso será um período de muitas viagens, conhecendo muitos lugares, pessoas diferentes, modos de vida diferentes. Quero ter novas experiências, viver um tempo com pouco conforto, sem depender tanto das tecnologias modernas. Em alguns lugares que pretendo ir, até mesmo um banho por dia será difícil de conseguir. Então vou viver um tempo longe de luxo ou conforto, sem cortar cabelo, sem andar perfumado, engomado. Quero é viver experiências novas, conhecer pessoas com visões de mundo diferentes. E depois de tudo isso, fazer uma analise profunda de minha vida, definir metas e a partir disso recomeçar minha vida em algum lugar. Talvez até retome minha vida atual, no formato em que ela se encontra hoje. Mas independente de tudo que venha fazer no futuro, eu serei uma nova pessoa, uma pessoa melhor com toda certeza.

Sábatico: pensar, repensar, analisar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *